Porto Alegre sedia feira-teste para capacitar setor e adequar comportamento do público

Para preparar a volta segura das feiras de rua, tradicionais na cultura de Porto Alegre, o Coletivo Feiras Unidas POA realiza na tarde desta quinta-feira (19) um evento de capacitação para expositores, produtores e fornecedores, com presença de público. A feira-teste colocará em prática todos os protocolos exigidos para enfrentamento à pandemia e pretende mostrar que é possível a retomada gradual e responsável da atividade, que movimenta a economia criativa gaúcha.

O teste ocorrerá com público ao longo da tarde, entre 14h e 18h, no Nau Live Space, espaço de eventos e coworking no bairro São Geraldo, zona norte da Capital. Pela manhã, a agenda foi dedicada à capacitação e adequação dos envolvidos aos protocolos, desde a montagem até a preparação para atendimento ao público visitante com segurança.

Para respeitar as exigências da prefeitura e do governo do Estado para a realização de eventos, tanto a presença de participantes quanto de público foi limitada a 10 expositores, respeitando o distanciamento de 5 metros entre cada banca, e a 250 visitantes no total. Por conta disso, só poderão frequentar o espaço da feira coletiva as pessoas que se inscreveram antecipadamente, e gratuitamente, em link divulgado na internet.


Segundo Pamela Morrison, uma das integrantes do coletivo e organizadora do evento, apesar de aberta ao público em geral, a feira-teste está focada na participação de produtores, expositores e entidades públicas. "Essas regras limitaram bastante o número de expositores, staff e participantes. Para evitar lotação do espaço e frear a possibilidade de aglomeração, escolhemos fazer a feira num dia de semana. Acredito que muita gente ainda não esteja disposta a sair, então, acho que vai ser tranquilo para o teste", avalia ela, também idealizadora da Feira Me Gusta. De acordo com a presidente do Porto Alegre e Região Metropolitana Convention e Visitors Bureau (POACVB), Adriane Hilbig, a feira servirá para avaliar e readequar o comportamento das pessoas, ainda necessário nesse momento de pandemia.

A entidade, precursora na realização de eventos-teste no Rio Grande do Sul e apoiadora da feira, também participou da elaboração dos protocolos em aplicação no Estado, ao lado do Grupo Live Marketing RS, que reúne empresas gaúchas promotoras de eventos. "Vamos levar a nossa expertise na realização de eventos-teste e na capacitação dos profissionais envolvidos, para ajudar a organizar essa retomada tão necessária de eventos e feiras no Rio Grande do Sul", destaca.


Segundo ela, além das regras de distanciamento adequadas, será necessário testar o manuseios dos produtos em exposição, como objetos, roupas, e a forma de interação com o público. "Apesar da ameaça de nova interrupção de eventos e notícias nesse sentido, queremos mostrar que o Rio Grande do Sul está na vanguarda e é referência na preparação de eventos profissionais com seriedade, segurança e respeito às exigências impostas pela pandemia. Quanto mais restringirmos essas atividades, mais eventos clandestinos serão realizados, sem controle e levando perigo à população", complementa a dirigente.

A capacitação será feita pela consultora Vaniza Schuler, ligada ao POACVB, e o evento reunirá as feiras Tô na Rua, Feira Me Gusta, Brick de Desapegos e Feira de Moda Plus Size BPSPOA, que integram o Coletivo Feiras Unidas POA, com exposição de produtos de moda, design, artesanato e de brechós.


Destaque
Recentes